Boas Férias

Novos visitantes!!!

Por informação da Google Statistics, o nosso blogue tem novos visitantes, os quais acedem com frequência às nossas postagens.

Sem dúvida, um motivo de orgulho para todos nós e para a escola.



Brasil, Estados Unidos, Canadá, Espanha, Holanda, Suíça, França, Angola, Ucrânia, Alemanha, Taiwan, Japão, Reino Unido, Porto Rico, Irlanda, Bélgica, Hong Kong, Canadá, Moçambique, Itália, Bulgária, Noruega, Finlândia, Rússia e Timor-Leste.







24/10/10

SOBREVIVER NA AMAZÓNIA

Era uma vez, um rapaz, que certo dia decidiu tentar sobreviver um mês na Amazónia.


A primeira coisa que ele pensou fazer foi procurar água e comida, então ele fez uma flecha utilizando um grande e grosso pau e depois com a sua faca bem afiada, afiou bem o seu pau para poder caçar um bom animal.

De repente ele encontrou um pequeno coelho, lançou a sua flecha e matou o animal.

Depois queria fazer uma fogueira para poder assar o seu coelho, procura paus e algumas folhas. Tinha uma coisa que estava sempre com ele, eram duas pedras que facilitava fazer fogo, então acendeu a sua fogueira e assou o seu coelho. Antes de comer o seu coelho, foi procurar água e a sua sorte é que tinha um pequeno ribeiro ao seu lado, encheu o seu cantil de água.

Passadas algumas horas tinha que fazer uma espécie de cama, então procurou grandes troncos e algumas folhas, alinhou os troncos, amarrou-os uns aos outros e colocou as folhas por cima, depois subiu a uma árvore e pôs os troncos e as folhas em cima.

No dia seguinte decidiu fazer uma caminhada para explorar a Amazónia, encontrando vários tipos de animais, plantas e insectos alguns deles comestíveis, passaram-se muitos dias e o rapaz mesmo assim conseguia sobreviver bebendo água de ribeiros, caçando animais e também comendo alguns insectos comestíveis.

Finalmente tinha chegado o último dia e ele ficou muito feliz não só para ir para sua casa mas também por ter conseguindo sobreviver, mas ainda faltava-lhe fazer uma fogueira para o helicóptero conseguir vê-lo. Procurou paus e folhas para fazer a fogueira, acendeu a fogueira com as suas pedras. Mais tarde, o helicóptero encontrou-o e o rapaz “jogou” pela segurança e apagou a fogueira para Protecção da Amazónia. O rapaz foi para sua casa com muito orgulho por ter conseguindo sobreviver na Amazónia.

Contributo de Carlos Pinto, 6ºA

1 comentário:

  1. Parabéns, Carlos.
    Espero mais textos teus.
    Abraço,
    Prof. João Caravaca

    ResponderEliminar